Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur.
Contact us now +1128 5255 8454
support@elated-themes.com

Instagram Feed

Title Image

Blog

APLICAÇÃO PRÁTICA DO INBOUND E OUTBOUND MARKETING

O Inbound não é apenas para segmentos cujos produtos e serviços possuem alto valor. Esse pensamento é comum, porque há uma associação de que o consumidor leva mais tempo para se decidir quando irá investir mais dinheiro em uma compra.

Uma pequena empresa que vende alimentos saudáveis com produção diária pode se beneficiar desse processo, por exemplo, para manter uma cartela de clientes fiéis que vá consumir seus pratos diariamente.

Para isso, essa empresa poderá criar um blog com dicas de alimentação saudável e reeducação alimentar, bem como outros assuntos pertinentes à saúde. Aqui, ao fornecer conteúdo relevante e de confiança, a empresa terá criado um canal de atração e referência. Nessa etapa, grande parte do público ainda não consome os produtos (logo, é a fase do topo do funil).

A partir do momento em que as pessoas que leem esses conteúdos se despertam para a necessidade de uma vida mais saudável através da reeducação alimentar, as chances de se tornarem clientes são reais. Por isso, para que a conversão aconteça, a empresa poderá colocar botões call to actions ao fim das matérias no blog para levar as pessoas aos seus produtos (podem estar expostos no Instagram ou no site, por exemplo).

A partir da ferramenta ou, melhor dizendo, da mídia social para a qual o lead for levado, a empresa poderá abordá-lo para que ele compre de fato os pratos saudáveis.

Em seguida, um vínculo será criado a partir de oferta de combos de refeições, mensagens através do WhatsApp, entre outras estratégias que possam encantar e manter esse cliente.

Quanto ao Outbound Marketing, este também é passível de ser aplicado em vários segmentos, ainda que possa existir um preconceito de que ele pertença a empresas muito antigas e tradicionais.

Aproveitando o exemplo citado para o Inbound, essa empresa que produz alimentos saudáveis pode se beneficiar do Outbound através de ações para captar novos clientes. A panfletagem de folhetos que informam o cardápio ou combos promocionais na região é uma alternativa viável.

Já no ambiente digital, o Outbound pode ser aplicado através de mídia paga, como os anúncios no Facebook e Instagram. Para aumentar a eficiência dessa prática, é possível que a empresa, ao construir o anúncio dentro dessas ferramentas, direcione-o para um público específico (que pode ser relacionado à faixa etária ou região, por exemplo).

Logo, trabalhar com o Inbound não exclui a oportunidade de aplicar o Outbound e vice-versa.

Para finalizar, perceba os pontos principais de cada estratégia:

Outbound Marketing

▪ Comunicação mais direta e em massa;

▪ O ROI é perceptível de forma rápida;

▪ Os resultados também são rapidamente atingidos.

Inbound Marketing

▪ Comunicação mais indireta e em mão dupla: o usuário interage com a marca e esta está suscetível a receber feedbacks;

▪ Custo relativamente mais baixo;

▪ Gera mais engajamento;

▪ Os resultados podem ser acompanhados em tempo real, o que permite aos estrategistas modificarem o que for necessário assim que perceberem algum déficit ou erro;

No Comments
Post a comment